Codir e Faubai

Data de Publicação: 20 abr 2018 17:00 Data de Atualização: 18 mai 2018 09:51

Olá!

Nesta semana, tivemos mais uma reunião do Colégio de Dirigentes do IFSC, o Codir, nosso colegiado que reúne os pró-reitores e diretores-gerais de todos os câmpus.

Na pauta, foi apresentado o processo de implementação do restaurante do Câmpus Araranguá, pela diretora Mirtes. Fizemos depois uma discussão das necessidades e possibilidades de implantar programas de alimentação estudantil nos câmpus. Temos mais um piloto de oferta de lanches sendo implantado no Câmpus Lages e também vamos lançar uma chamada para os câmpus utilizarem o Programa Nacional de Alimentação Escolar, o PNAE, para alimentação dos alunos dos cursos técnicos. Assim vamos avançando na alimentação estudantil, tão necessária para a permanência e o êxito de nossos alunos. Aprovamos a proposta de recursos para o IFSC rede 2019, necessária para as ações coletivas da instituição. Tivemos a discussão do plano de solicitação e alocação de vagas de servidores técnico-administrativos e docentes de 2019, para atender à portaria interministerial 109/2017. Apresentamos a proposta de realização da Reditec Sul, que será realizada de 19 a 21 de junho em Lages, reunindo todos os diretores, pró-reitores e reitores dos Institutos do Sul do Brasil, em que debateremos os impactos dos Institutos Federais no desenvolvimento regional. 

Também definimos o horário do chamadão para nossos cursos técnicos e voltados à educação de jovens e adultos, que é o momento em que os candidatos selecionados em segunda chamada devem ir ao câmpus para fazer a manifestação presencial de interesse na vaga. Ficou decidido que, para cursos de graduação, o horário será às 14h; para os cursos técnicos integrados, às 14h; para os técnicos concomitantes e Proeja, às 19h; e para os técnicos subsequentes será às 19h. Os horários foram escolhidos para melhor atender os candidatos e estarão sempre destacados nos editais dos processos seletivos.

Como sempre, a reunião foi transmitida pela IFSCTV e a gravação pode ser assistida aqui.

Reordenamento dos IFs

O Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, o Conif, publicou nesta semana uma nota para reiterar a defesa da consolidação das unidades já existentes e sobre o reordenamento dos Institutos Federais, conforme foi apresentado pelo Ministério da Educação em reuniões na Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do MEC/Setec na semana passada, e que já comentei no post anterior.  O Conif diverge das propostas, que foi construída de maneira isolada pela Setec e sobre a qual, até o momento, o colegiado do Conif não foi oficialmente informado.

Sobre esse assunto, temos visto circular algumas propostas de reordenamento que não são a que nos foi apresentada pela Setec. Entendo que essa possibilidade tem gerado apreensão na nossa comunidade acadêmica, em especial nos servidores, mas peço cuidado com o compartilhamento de informações que não são verídicas.

Aquilo a que tivemos acesso pela Setec foram estudos preliminares e exploratórios. Conforme nota do Conif, que expressa nossa opinião também, todas as instituições e unidades anteriormente implantadas foram concebidas a partir de um processo participativo para garantir a oferta qualificada de educação profissional e tecnológica pública nas diferentes regiões brasileiras. Portanto, considera-se imprescindível que essa metodologia de trabalho seja preservada, de modo que todos os entes envolvidos possam contribuir para o fortalecimento da Rede Federal como um projeto de Estado.

Por meio da nota pública, o Conif se posicionou contrário a interferências na atual distribuição dos câmpus, o que impactaria principalmente nas comunidades locais, e reivindicou a participação na construção de futuras propostas de crescimento e expansão da Rede Federal.

Leiam aqui a nota na íntegra.

Faubai

Na terça-feira, estive na Faubai Conference 2018 no Rio de Janeiro. O evento foi promovido pela Associação Brasileira de Educação Internacional e teve como tema "Internacionalização e Pesquisa: Desafios e Estratégias" (Internationalization and Research: Challenges and Strategies). O objetivo foi discutir a relação entre internacionalização e pesquisa, os desafios e estratégias para implementar políticas abrangentes de internacionalização e a atratividade da pesquisa brasileira.

Participei do Presidents' day, com palestras com representantes de instituições brasileiras e internacionais. Foram abordadas temáticas como os desafios da educação superior, inovação e impactos sociais de desenvolvimento sustentável. A conferência foi muito interessante! Participaram também comigo a nossa assessora de Relações Internacionais, Raquel Matys Cardenuto, e nosso pró-reitor de Extensão e Relações Externas, André Dala Possa.

Tivemos a oporunidade de conhecer novos parceiros e ampliar nosso conhecimento em termos de políticas e programas internacionais.

Outros assuntos

- Formatura da Orquestra: Na quarta-feira à noite, estive na formatura dos cursos básico de Instrumentos de Orquestra e de Prática de Orquestra do Câmpus Florianópolis, que fizeram um concerto de formatura no Teatro Álvaro de Carvalho, no centro da Capital. Foi uma linda apresentação! Parabéns aos formandos, integrantes da orquestra e servidores envolvidos nos cursos e no projeto! Confira um trechinho:

 

- Mestrado para servidores: Também tivemos ontem a divulgação dos servidores técnico-administrativos aprovados no Mestrado em Administração, parceria do IFSC com a Unisul! Parabéns aos 30 novos mestrandos! 

E, nesta semana, começaram as inscrições para nosso Ensino Médio Técnico nas cidades de Florianópolis, Gaspar, Jaraguá do Sul, Chapecó, Joinville e São José  e também para os cursos técnicos do Câmpus Itajaí. Vejam as informações completas no nosso site.

Até semana que vem!