Pular para o conteúdo

Notícias

Pesquisa visa preparar Eletrobras CGT Eletrosul para subestações digitais

PESQUISA Data de Publicação: 28 nov 2022 11:25 Data de Atualização: 28 nov 2022 11:27

Mateus Alexandrino atua na Eletrobras CGT Eletrosul desde 2011, na área de projetos de sistemas de proteção, supervisão e controle de funções de transmissão do Sistema Interligado Nacional (SIN) envolvendo subestações de 69 a 525 kV. Ele é engenheiro eletricista pela UFSC e Mestre pelo Câmpus Florianópolis em Sistemas de Energia Elétrica. Sua dissertação teve como tema o desenvolvimento da especificação de sistemas de proteção para subestações digitais com o uso da Linguagem de Descrição da Configuração do Sistema (SCL - System Configuration description Language) definida pela norma IEC 61850. Dessa forma, preparou a empresa para suas futuras aplicações de subestações digitais. 

Segundo ele, a especificação, em consonância com a norma IEC 61850, permitirá a padronização dos projetos do ponto de vista de estrutura das informações e a configuração dos sistemas através de engenharia top-down. A aplicação possibilitará a redução de tempo na configuração dos dispositivos e da quantidade de erros, propiciando ganhos técnicos e financeiros.

Nos próximos anos, a Eletrobras CGT Eletrosul irá aplicar seus primeiros sistemas de proteção e controle voltado para subestações digitais. A especificação desenvolvida em parceria com o IFSC será utilizada nestas futuras soluções, sendo esta adoção pioneira no contexto brasileiro.

Por ser um tema de interesse atual, o trabalho repercutiu na publicação de artigos em seminários na área de sistema de proteção e controle nacionais e internacionais. Os eventos incluem o 14º Seminário Técnico de Proteção e Controle (XIV STPC) organizado pelo CIGRE Brasil e realizado no Rio de Janeiro em outubro passado, o 41th CIGRE International Symposium, realizado em Liubliana (Eslovênia) em novembro de 2021, e o 16th International Conference on Developments in Power System Protection (DPSP) realizado em Newcastle (Inglaterra), em março de 2022.

Nesta terça e quarta-feira (29 e 30 de novembro), a Eletrobras CGT Eletrosul promoverá o 2º Seminário de Subestações Digitais. O evento contará com a participação de mais de 100 profissionais de empresas geração e transmissão de energia elétrica, incluindo as maiores empresas atuantes no Brasil, fabricantes de dispositivos e ferramentas de testes, instituições de ensino, incluindo o IFSC, e o Operador Nacional do Sistema Elétrico – ONS. As empresas apresentarão suas perspectivas em relação à tecnologia e à aplicação de subestações digitais no sistema brasileiro, além de debaterem sobre as soluções de engenharia para o melhor desempenho dos sistemas de proteção, supervisão e controle atendendo aos requisitos regulatórios do setor. 

PESQUISA

Nó: liferay-ce-prod03

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Leia Mais.