Pular para o conteúdo

Notícias

Cursos Design de Produto e Produção Multimídia recebem conceito 5 do MEC

ENSINO Data de Publicação: 14 mai 2019 14:41 Data de Atualização: 15 mai 2019 08:43
Cursos Design de Produto e Produção Multimídia recebem conceito 5 do MEC

Os cursos superiores em Tecnologia de Design de Produto do Câmpus Florianópolis, do Departamento Acadêmico de Metal Mecânica (Damm), e de Tecnologia em Produção Multimídia do Câmpus Palhoça-Bilíngue  receberam o conceito máximo (nota 5) na avaliação do Ministério da Educação (MEC). A análise dos avaliadores foi feita, em ambos, entre os dias 5 e 8 de maio.

Segundo o professor Fernando Gonçalves, chefe do Damm, os pontos fortes apontados foram os laboratórios, corpo docente e o engajamento dos estudantes. “A sensação de pertencimento dos alunos contou bastante”, explica. 

Essa sensação de pertencimento, na opinião de Gonçalves, tem a ver com o estímulo à autonomia que os estudantes recebem por parte dos professores, incluindo projetos como a Mostra Design IFSC – que este ano, será realizada entre os dias 28 e 30 de maio. “Agradecemos ao nosso corpo discente, mas especialmente aos servidores do câmpus que contribuíram para esse nota. E também à direção do câmpus, que nos apoiou bastante”.

O curso de Design de Produto foi criado em 2002, avaliado em 2007 e 2016, quando recebeu, respectivamente, os conceitos 5 e 4.  

Produção Multimídia

O curso superior de tecnologia em Produção Multimídia do Câmpus Palhoça Bilíngue também recebeu o conceito máximo logo em sua primeira avaliação. Os avaliadores destacaram o incentivo à pesquisa, a qualificação dos professores e a aproximação com o mercado como alguns dos pontos fortes do curso. "Prova disso está no expressivo número de alunos que fazem estágio ou que possuem trabalho remunerado em empresas locais", escreveram no relatório, que é resultado da visita in loco feita de 5 a 8 de maio.

Para a coordenadora do curso, Elisa Maria Pivetta, o conceito 5 reflete o desempenho de todos os envolvidos: docentes, discentes, técnico-administrativos. "Mostra um padrão de qualidade de ensino, sendo também um referencial para que os estudantes tenham como avaliar a qualidade do nosso curso, podendo assim fazer suas escolhas com critérios. Este resultado indica que são cumpridas as mais exigentes normas de ensino e como coordenadora, o sentimento é de dever cumprido, de que todo o trabalho valeu a pena, e pode ser sentido por toda a comunidade acadêmica", destaca ela.

O curso de Produção Multimídia, criado em 2015 e com uma turma formada, qualifica profissionais que podem trabalhar em agências de comunicação, escritórios de design, produtoras de conteúdo digital, produtoras de vídeo, televisão e cinema. Eles podem desenvolver, planejar e executar projetos para ambientes digitais, gerando conteúdos para websites, redes sociais e dispositivos móveis (smartphones e tablets), além de utilizar-se de recursos de computação gráfica e ferramentas digitais, que envolvem imagem, som, texto e animação, para garantir interatividade. "É um curso com excelente qualidade, com enfoque na formação de profissionais  para o trabalho, no âmbito do universo digital e com foco na inclusão, em uma iniciativa bilíngue (letras/Libras), com corpo docente altamente qualificado", finaliza Elisa.

ENSINO