Pular para o conteúdo

Notícias

Projeto do IFSC estimula leitura e escrita entre estudantes de Criciúma

EXTENSÃO Data de Publicação: 16 mar 2018 16:25 Data de Atualização: 16 mar 2018 16:31

Alunos do Ensino Fundamental II das escolas EEB Maria José Hülse Peixoto e EMEF Jorge da Cunha Carneiro estão produzindo poemas, contos, crônicas e memórias a partir do projeto Escrita Criativa na Escola, coordenado pelas professoras Carla Zanatta Scapini e Sheilar Nardon da Silva, do Câmpus Criciúma.

O projeto de extensão, em funcionamento desde fevereiro, atende cerca de 120 alunos em quatro turmas dos 8º e 9º anos. O trabalho consiste em oficinas literárias quinzenais, que iniciaram na semana passada, com duração de 1h30. Entre os objetivos do projeto está o de publicar um livro no final do ano com a produção textual dos alunos participantes.

“São gêneros textuais nem sempre apreciados por adolescentes, mas que podem ser trabalhados de uma forma contemporânea por esses alunos”, explica Sheilar.

A partir de uma sensibilização por meio de um repertório de leituras, os alunos mapeiam temas e técnicas em conjunto com as professoras, que orientam a escrita dos textos. O processo se dá por meio de dinâmicas que mobilizam a criatividade e a vontade de escrever, de forma individual.

As oficinas são inseridas nas aulas de português nas duas escolas e fazem parte, inclusive, do plano de ensino e de avaliação dos professores das referidas disciplinas de Língua Portuguesa. Elas são replicadas nos primeiros anos dos cursos integrados do Câmpus Criciúma do IFSC, com o auxílio de alunos bolsistas.

De acordo com a professora Carla, parte das oficinas contará com a participação de escritores e editores, incluindo uma atividade prática no mês de novembro com a Editora Vento Norte Cartonero, de Santa Maria (RS), para a confecção do livro. As capas das publicações serão confeccionadas artesanalmente com a técnica das editoras cartoneras, comprometidas com ideais de sustentabilidade.

EXTENSÃO CÂMPUS CRICIÚMA