Pular para o conteúdo

Notícias

Laboratório municipal de Blumenau está implementando 5S a partir de pesquisa realizada por aluna de Processos Gerenciais

CÂMPUS GASPAR Data de Publicação: 13 ago 2019 07:49 Data de Atualização: 13 ago 2019 07:52
Laboratório municipal de Blumenau está implementando 5S a partir de pesquisa realizada por aluna de Processos Gerenciais

A estudante do curso superior de Tecnologia em Processos Gerenciais do Câmpus Gaspar Deyse Santos está trabalhando para implementar a metodologia 5S no laboratório municipal de saúde de Blumenau. Ela também trabalha no laboratório e, a partir da disciplina de "Gestão de qualidade", pensou na proposta de implementar a ferramenta para pensar em melhorias que possam aumentar a eficiência operacional. Deyse está sendo orientada pelo professor Márcio Fronteli e a experiência para a implementação será o seu tema de trabalho de conclusão de curso. “O laboratório já havia tentando, mas não havia conseguido implementar o 5S. Para que possamos fazer desta vez, elaboramos um plano de ação, entrevistamos funcionários e aplicamos questionários. Esperamos que em três meses já tenhamos feito todas as etapas.”

A metodologia 5S consiste em cinco processos que são definidos por palavras japonesas: seiri (utilização), seiton (ordenação), seiso (limpeza), seiketsu (saúde e higiene) e shitsuke (autodisciplina). No caso do laboratório, já foi realizada a etapa seiri e está sendo implementada a seiton. “Na parte da utilização foi feito o descarte do que não é mais necessário e feita a classificação daquilo que é usado todos os dias, daquilo que é pouco usado e do que poderia ser descartado. Na fase da ordenação, estamos identificado os objetos e olhando tudo o que está nas gavetas. Como se trata de um órgão público, a parte do descarte é uma das mais difíceis porque estamos lidando com patrimônio e não há como simplesmente descartá-lo.”

O processo de implementação está sendo descrito em seu tcc e o estudo de caso tem feito com que Deyse pense na teoria aplicada no dia a dia. “Nem sempre só com a teoria a gente consegue ver como funciona de fato um processo como o de implementação do 5S. Por exemplo, a orientação que é cada uma dessas etapas deva ser feita uma de cada vez, mas tenho observado que, muitas delas estão muito vinculadas e não há como identificar os objetos sem pensar em sua organização.”

A proposta é que a implementação esteja concluída até 20 de outubro. “Nós queremos apresentar os resultados para a equipe da prefeitura que promove capacitações para os servidores como uma forma de incentivar que outros setores também implementam o 5S.”

CÂMPUS GASPAR PESQUISA