Pular para o conteúdo

Notícias

Ciclo de palestras discute temas da campanha Setembro Amarelo

CÂMPUS JOINVILLE Data de Publicação: 17 set 2019 10:26 Data de Atualização: 19 set 2019 11:10

A programação da campanha Setembro Amarelo no Câmpus Joinville ganha um reforço importante a partir desta quinta-feira (19), quando começa o ciclo de palestras Setembro Amarelo: vamos falar sobre isso?, em que profissionais das áreas de educação e saúde vão abordar temas como saúde mental, depressão, bullying, sentido da vida e empatia. Até o dia 26, serão realizadas oito palestras direcionadas a estudantes, servidores, pais e comunidade externa.

Sentido da vida é o tema da palestra que abre a programação, no dia 19, às 16h. O assunto será abordado pelo psicólogo do câmpus, Afonso Vieira, e ganha mais uma edição no dia seguinte (20), às 9h45. A atividade tem como público-alvo estudantes e servidores.

Os pais e responsáveis pelos estudantes são os convidados especiais da noite de quinta-feira, quando Afonso Vieira e a psicóloga do Centro de Apoio Psicossocial Infantojuvenil (CAPS ij) de Joinville, Caroline Butzke, vão discutir o tema Dialogando sobre depressão na adolescência. O encontro será às 19h, no auditório, e é aberto à comunidade externa.

Na sexta, às 13h30, Vamos falar sobre a vida? é o tema de palestra com o psicólogo Elisson Mildemberg, do Instituto Federal do Paraná (IFPR), que estuda as áreas de educação, psicopedagogia, adolescência, suicídio, toxicomania, psicopatologia, psicologia social e psicanálise. A palestra é direcionada a estudantes e servidores.

Famosa entre os adolescentes pelos livros que escreve sobre bullying e empatia, a ativista Vanessa Bencz retorna ao Câmpus Joinville na próxima segunda (23), às 9h45, para falar sobre a Força da empatia. Até ser diagnosticada com transtorno de deficit de atenção e hiperatividade (TDAH), Vanessa sofria com humilhações constantes por causa de sua dificuldade de aprendizagem. Foi na terapia que ela aprendeu técnicas para melhorar sua atenção e o desempenho na escola. Fez faculdade de Jornalismo, trabalhou como repórter durante três anos e, desde 2012, realiza palestras em escolas de todo país.

Quem também retorna ao câmpus é o médico psiquiatra Rodrigo Assumção, que trabalha no CAPS de São Francisco do Sul e no Sindicato da Polícia Federal de São Paulo. Quanto vale a vida? vai ser abordado com os estudantes e servidores do período noturno, no dia 25, a partir das 19h.

No encerramento do ciclo de palestras, estão agendados dois momentos para discutir a atenção à saúde do servidor público, nos dias 25, às 13h30, e 26, às 9h30. Os servidores do Câmpus Florianópolis, Maria Conceição dos Santos Corrêa (assistente social) e Fabiano Oliveira Antonini (professor do curso técnico em Enfermagem), fazem a reflexão a partir do tema E agora, José? E agora, você? Para onde marcha a saúde mental no trabalho?

Atividades paralelas

Como a proposta da campanha Setembro Amarelo é que se fale abertamente, sem medo e preconceito, sobre suicídio, prevenção e sinais de identificação, as atividades começaram nos primeiros dias do mês, com uma força-tarefa junto aos cursos técnico e superior em Enfermagem, para fortalecer a campanha no câmpus e chamar a atenção dos estudantes dos demais cursos e servidores sobre a relevância do tema.

As turmas foram desafiadas a promover atividades de intervenção, como decoração temática, confecção de mural, distribuição de mensagens de apoio, gravação de vídeos e produção de peças teatrais. Responsável pela dramaturgia, a quarta fase do técnico em Enfermagem já programou nove apresentações itinerantes da peça de teatro criada especialmente para a campanha, de 19 a 25, nas próprias salas de aula.

A agenda cultural do Setembro Amarelo terá ainda apresentações musicais com os servidores Marcos Heyse Pereira e Maríndia Anversa Viera, no dia 19, na cantina; leitura dramática com o professor Samuel Kühn, do projeto Folhetim, no dia 20, às 13h30, no auditório; e exposição do livro “Passeio pelo interior: uma experiência de enfrentamento da depressão”, com a psicóloga do câmpus e escritora, Katia Griesang, no dia 25, às 19h, no auditório.

Estudantes e servidores também são convidados a participar de mais duas atividades especiais: o Dia do Abraço, nesta quinta-feira, com a sugestão de que todos usem roupas ou acessórios amarelos; e o aulão de yoga, do projeto Yoga na Escola, com Gustav Oscar Dumke, no dia 24, às 9h30, no pátio central.

A programação Setembro Amarelo no Câmpus Joinville é organizada pela Coordenadoria Pedagógica, Núcleo de Acessibilidade Educacional (Naed), Comissão Interna de Saúde do Servidor Público (CISSP) e cursos técnico e superior de Enfermagem.

CÂMPUS JOINVILLE EVENTOS