Pular para o conteúdo

Notícias

IFSC produz prancha de surf para pessoas com deficiência

INOVAÇÃO Data de Publicação: 20 nov 2019 08:44 Data de Atualização: 20 nov 2019 08:54

A sensação de liberdade proporcionado pelo surf é a inspiração de um projeto do Câmpus Itajaíque busca ampliar essa experiência para pessoas com deficiência. Para isso, professores, alunos e parceiros inovaram e buscaram fabricar uma prancha, do zero, com todas as especificidades necessárias para que a chef de cozinha Vitória Corrêa Diehl pudesse interagir com o mar.

Por conta de uma inflamação na medula, ela está perdendo o movimento das pernas, o que não a impediu de pegar onda, o que faz toda semana com o suporte da Associação Surf sem Fronteiras. O sonho de entrar no mar sozinha, pegar uma onda e voltar para a prancha sem precisar de ajuda foram alguns dos pontos que conduziram o processo de design e fabricação.

Segundo o coordenador do projeto “Ondas do Bem”, Ulisses Caetano, “o design tem esse papel da universalidade, de abarcar todos, e proporcionar pras pessoas, independente da sua característica física essa satisfação, essa energia positiva que é o espírito aloha!”. A prancha foi fabricada pelo shaper Fabrício Flores Nunes e a Vitória já entrou no mar para testar a prancha: “um sucesso”.

Caetano afirma que tem como objetivo buscar registrar a patente industrial da prancha: “E também disponibilizar dossiês técnicos em língua portuguesa, inglesa, espanhola para a comunidade do surf adaptado mundial ter acesso ao projeto para eles poderem fazer essas pranchas em outras localidades.”

INOVAÇÃO