Pular para o conteúdo

Notícias

Pandemia faz instituições procurarem sistema de votação adaptado e usado pelo IFSC

INSTITUCIONAL Data de Publicação: 05 ago 2020 07:55 Data de Atualização: 06 ago 2020 07:25

Um trabalho desenvolvido pelo IFSC tem ajudado instituições públicas a realizar eleições de maneira virtual durante a pandemia da covid-19, causada pelo novo coronavírus. Foi por meio de modificações feitas pela Diretoria de Tecnologias da Informação e da Comunicação do IFSC (DTIC) que o sistema de votação online Helios ficou acessível, em versão em língua portuguesa e com interface amigável ao usuário, a organizações brasileiras a partir de 2014.

Durante a pandemia da covid-19, com dificuldades ou mesmo impossibilidade de se realizarem pleitos presenciais, pelos menos 10 instituições procuraram o IFSC para obter informações sobre o sistema, entre universidades, institutos federais, uma prefeitura e uma secretaria de estado. Nos últimos seis anos, já foram cerca de 20 organizações de todo o Brasil que usaram a versão do Helios modificada pelo IFSC para votações.

O Helios Voting é um sistema de votação online de código aberto, ou seja, que permite mudanças em sua programação. No IFSC, foi feita uma instalação local dele para que a DTIC pudesse personalizá-lo – trabalho feito na época pela analista de tecnologia da informação Shirlei Aparecida de Chaves e pelo então diretor Emerson Ribeiro de Mello (professor do Câmpus São José) em cerca de dois meses e meio - e usá-lo em suas eleições internas.

As modificações incluíram ajustes nas interfaces para melhorar a usabilidade e torná-lo adequado para dispositivos móveis, a tradução para o português, a integração com a base de usuários do IFSC e o desenvolvimento de um painel no qual é possível ver algumas estatísticas das eleições. Para orientar os usuários, foram produzidos manuais para eleitores e para os gestores de eleição.

“Quando eu fui diretor de TI, apresentei o Helios nas reuniões do Fórum de Diretores de TI dos IFs (Forti) e muitos IFs começaram a usá-lo depois disso e com o nosso apoio”, lembra Emerson. Ele destaca que dois processos de consulta pública para o cargo de reitor realizados recentemente em universidades - na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTF-PR) e na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) - usaram o Helios.

Shirlei e Emerson publicaram dois artigos em eventos, em 2014 e 2015, sobre os motivos que levaram à escolha do Helios para as eleições internas do IFSC e sobre as modificações feitas, que estão disponíveis na página que a DTIC elaborou sobre o sistema de votação.

No IFSC

O Helios é usado no IFSC desde 2014, como nas eleições para escolher os representantes docentes, discentes e técnico-administrativos em órgãos colegiados e para comissões e cargos nos câmpus. Aproximadamente 300 pleitos no IFSC já foram realizados usando o sistema, de acordo com a analista de tecnologia da informação Shirlei Chaves. Redução de custos e ganho em agilidade nas votações são algumas das vantagens do sistema para a instituição apontadas por ela.

Instituições que quiserem informações sobre o uso do sistema Helios podm entrar em contato com a DTIC pelo e-mail dtic@ifsc.edu.br ou acessar a documentação disponível em um repositório disponível na plataforma GitHub. “O tutorial disponível lá é o suficiente para se realizar uma instalação e disponibilização local do Helios, tanto que muitas das instituições que usam hoje em dia nem chegaram a escrever para nós - seguiram o conteúdo que está lá e disponibilizaram suas instalações”, comenta Shirlei.
 

INSTITUCIONAL