Pular para o conteúdo

Notícias

Câmpus Lages do IFSC tem laboratório credenciado para prestação de serviços

CÂMPUS LAGES Data de Publicação: 11 dez 2020 10:57 Data de Atualização: 11 dez 2020 11:02

O Câmpus Lages do IFSC foi contemplado no Edital de Projeto 18/2019 da Pró-reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (Proppi) e agora tem um laboratório autorizado a funcionar como prestador de serviços para empresas e entidades. O Laboratório de Análises de Alimentos (LAAL) do câmpus já tem equipe formada e está pronto para operar.

Quem coordena o projeto é a professora, Mônia Stremel Azevedo o programa foi elaborado em parceria com a professora, Ana Paula de Lima Veeck e de outros docentes do câmpus. O objetivo do LAAL é realizar análises físico-químicas para avaliação e obtenção de garantia de qualidade dos alimentos produzidos aqui na Região Serrana.

Para a Coordenadora do Laboratório, o projeto possibilita a articulação entre ensino, pesquisa e extensão, atendendo demandas da sociedade, fazendo uso de pesquisas e conferindo uma dimensão formativa para os estudantes envolvidos, “O LAAL buscará envolver os discentes  das diversas áreas que o processo de implementação e atuação pode exigir (técnica analítica e administrativa), oferecendo assim, experiência no mundo do trabalho para estudantes, bem como, poderá contribuir para o ensino por meio da apresentação das atividades e serviços desenvolvidos no laboratório durante visitas técnicas. Além disso, o LAAL pode participar de projetos de pesquisas que permitam a expansão dos serviços prestados”, salienta.

Quem pode procurar os serviços

Conforme pesquisa de oferta de serviço técnico especializado, não há laboratórios de análises físico-químicas de controle de qualidade de alimentos em Lages, e o Câmpus Lages do IFSC dispõe de infraestrutura e corpo técnico especializado da Área de Ambiente e Saúde capaz de atender a esta demanda da comunidade externa, especialmente, indústrias de alimentos e produtores. “Assim, o programa de prestação de serviços técnicos especializados do LAAL buscará atender às demandas na área de análises físico-químicas de controle de qualidade de alimentos, fazendo-se uso de ensino, pesquisa e extensão, auxiliando na busca por qualidade e aumento de competitividade de produtos”, completa Mônia.

Entre os segmentos da atividade industrial em Santa Catarina, destacam-se na Região Serrana as indústrias de alimentos. O público alvo do projeto são os produtores da região que necessitam realizar análises para credenciamento em sistemas regulatórios, objetivando aumentar a qualidade e competitividade dos produtos, ou ainda, em avaliações de controle de qualidade de matéria-prima ou produto final para as indústrias de alimentos da região, “As análises serão determinadas conforme metodologias recomendadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico, Meio Ambiente, Atenção à Sanidade de Produtos de Origem Agropecuária e Segurança Alimentar da Serra Catarinense (CISAMA)”.

Para a professora, Mônia participar do “Programa de prestação de serviços técnicos especializados do Laboratório de Análises de Alimentos - LAAL”, é muito gratificante, “Conhecer uma demanda de nossa comunidade, poder formar uma equipe disposta a atender esta demanda, contar com o apoio da Gestão de nosso Câmpus e dos colegas de Área, e poder envolver nossos estudantes nesta experiência, por meio da prática de ensino, pesquisa ou extensão: não tem preço!”, conclui.

O edital em que o programa foi inscrito, tem a finalidade de credenciar os laboratórios do IFSC para a execução de Programas de Prestação de Serviços Técnicos Especializados de ensaios e análises laboratoriais, de domínio técnico especializado do IFSC, voltados à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo.

CÂMPUS LAGES

Nó: liferay-ce-prod02