Pular para o conteúdo

Notícias

Artigo de professor do Câmpus Lages é publicado em revista internacional

CÂMPUS LAGES Data de Publicação: 26 mar 2021 15:14 Data de Atualização: 26 mar 2021 15:21

Foi publicado na revista “Soil Biology and Biochemistry” o artigo “Nodule-associated bacteria alter the mutualism between arbuscular mycorrhizal fungi and N2 fixing bacteria” (Bactérias associadas a nódulos alteram o mutualismo entre fungos micorrízicos arbusculares e bactérias fixadora de N2) em tradução livre. Essa revista é classificada em 2º lugar no ranking mundial de revistas científicas para a área de ciência do solo, de acordo com a Scimago Journal & Country Rank - SJR. O artigo conta com a participação de três autores, entre eles Silmar Primieri, professor e Chefe do Departamento de Ensino e Extensão do Câmpus Lages do IFSC.

Os outros dois autores são Julio Cesar Pires Santos, da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC - CAV) e Pedro Madeira Antunes, da Algoma University, do Canadá. O artigo é resultado de um trabalho investigativo, que teve como objetivo avaliar os efeitos individuais e combinados de três grupos de microrganismos simbióticos do solo no desenvolvimento de uma espécie de leguminosa nativa na região Sul do país, a (Mimosa scabrella), conhecida como Bracatinga.

A simbiose é uma relação ecológica quando duas ou mais espécies se relacionam e todos saem ganhando. No caso desse experimento, bactérias fixadoras de nitrogênio, bactérias endofíticas e fungos micorrízicos arbusculares foram inoculadas nas raízes da bracatinga e o efeito avaliado ao longo do tempo, explica Silmar.

Resultados obtidos

Os resultados do experimento mostraram que as relações ecológicas podem ser mais complexas do que pensamos, nesse caso, quando as bactérias fixadoras de nitrogênio e fungos micorrízicos arbusculares foram adicionados às raízes das plantas, a bracatinga cresceu de forma sinérgica, o que isso quer dizer, que o crescimento da planta na presença desses microrganismos foi maior que a soma do efeito individual. “Por exemplo, a planta sozinha cresce 10, planta + bactéria cresce 15, planta + fungo cresce 16, é de se esperar que planta+bactéria+fungo cresceria 21, mas o resultado mostrou que elas crescem 26. É só um exemplo ilustrativo, mas demonstra que a biologia não é apenas a soma das partes”, salienta.

Silmar explica que, por outro lado, quando a bactéria endofítica foi adicionada a essa relação, o crescimento da planta diminuiu um pouco e as taxas da relação entre plantas e simbiontes foi reduzida, mostrando que, embora a bactéria endofítica não cause um grande problema, ela fica ali, escondida, se aproveitando dos recursos disponibilizados pela relação da planta com os outros microrganismos, nesse caso essa bactéria pode ser considerada como uma “oportunista”.

O IFSC sai na frente

O artigo é resultado de parte de um trabalho que vem sendo desenvolvido desde 2012, por meio de parcerias entre o IFSC, UDESC e EPAGRI. Em 2014, o primeiro autor desenvolveu parte de seu doutorado na Universidade de Algoma, no Canadá, que possibilitou uma parceria internacional para o desenvolvimento deste experimento, “para o IFSC, uma instituição que ainda está se estabelecendo como instituição de pesquisa, a publicação de resultados dos trabalhos científicos desenvolvidos pelos seus servidores é fundamental para o crescente reconhecimento da instituição”, comenta.

Silmar relata a felicidade em participar da produção do artigo, “ver o resultado de um trabalho científico seu, publicado em uma das melhores revistas científicas do mundo é motivo de muita alegria e sentimento de dever cumprido. Para essa publicação foi percorrido um longo caminho, de muitos desafios, mas que possibilitou o desenvolvimento de parcerias e oportunidades de trabalho e de conhecer pessoas e lugares incríveis. Espero que esse conhecimento apresentado na forma de artigo possa estimular mais pessoas a reconhecerem a importância da ciência e, principalmente, auxiliar no desenvolvimento de sistemas produtivos mais sustentáveis em nossa região”, conclui.

O artigo está disponível em: https://authors.elsevier.com/a/1cUm48g13P-qL 

CÂMPUS LAGES

Nó: liferay-ce-prod02

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Leia Mais.