Pular para o conteúdo

Notícias

Câmpus Canoinhas comemora aprovação de egressos em mestrados e doutorado

CÂMPUS CANOINHAS Data de Publicação: 28 dez 2021 10:06 Data de Atualização: 29 dez 2021 09:31

Além de importante conquista pessoal, a aprovação de estudantes e egressos em concursos públicos, oportunidades de negócios, premiações e processos seletivos é um dos indicadores do sucesso acadêmico da formação pública, gratuita e de qualidade oferecida pelo IFSC. Por isso, o Câmpus Canoinhas comemora a aprovação de Daniel Wzoreck, Robson Nepomuceno, Reginaldo Antonio Marques dos Santos e Mariane Daniele Munhoz em cursos de mestrado e doutorado em instituições públicas de ensino prestigiadas do país.

Prestes a se formar no curso superior de tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Daniel Wzoreck foi aprovado no processo seletivo para o mestrado profissional do Programa de Pós-Graduação em Computação Aplicada (PPGCA) da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), em Curitiba – PR.

Sua trajetória no IFSC começou com o curso técnico concomitante em Manutenção e Suporte em Informática, quando ainda não sabia que área profissional seguir. Desde então, seu interesse pela área cresceu, junto com o apoio e estímulo de “professores extremamente dedicados e com energia para ensinar”, como faz questão de agradecer.

No curso de graduação, a participação em projetos de pesquisa e extensão e em programas de estágio também o ajudaram a reconhecer que está no caminho certo. “Pude colocar em prática os conhecimentos adquiridos e ver alguns sistemas desenvolvidos sendo utilizados no dia a dia pelos usuários, o que me gerou muita satisfação”, conta Daniel.

Na UTFPR, ele escolheu seguir na linha de pesquisa em Engenharia de Software. “É uma área muito importante a ser apreendida e me permitirá trabalhar em projetos maiores no futuro, assim como realizar pesquisas e, quem sabe, até mesmo atuar como professor futuramente. Que venha essa nova aventura!”

Incentivo que veio da especialização

Professores da rede pública estadual, Robson Nepomuceno e Reginaldo dos Santos encontraram nas especializações do Câmpus Canoinhas, em Desenvolvimento Rural Sustentável e em Educação e Diversidade, um incentivo a mais para continuarem os estudos em cursos de mestrado, na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

“A especialização em Educação e Diversidade do IFSC me permitiu contatar professores de excelência. Há uma diferença crucial entre profissionais autoritários e profissionais que são autoridades nos temas em que se debruçam estudar. Neste sentido, fui motivado a buscar ampliar o conhecimento”, conta Reginaldo.

No início do segundo semestre, ele participou de um processo de seleção da UFSC com mais de 600 candidatos e foi aprovado para o Programa de Mestrado em Educação, um dos mais disputados no estado. “Como filho de agricultores, não imaginava conseguir chegar até aqui e hoje tenho convicção de que é possível um país com educação pública, gratuita e de qualidade”, comemora Reginaldo, que é graduado em Ciências Sociais e professor de Sociologia nas redes públicas estaduais de Santa Catarina, em Três Barras, e do Paraná, em São Mateus do Sul.

O mesmo entusiasmo é compartilhado por Robson Nepomuceno, que foi aprovado para o mestrado em Geografia da UFSC, na área de Desenvolvimento Urbano e Regional. Formado em licenciatura em Educação do Campo, com habilitação em Ciências da Natureza e Ciências Agrárias, também na UFSC, Robson é professor da rede estadual de Santa Catarina, de ensino fundamental e médio, e egresso da especialização em Desenvolvimento Rural Sustentável do Câmpus Canoinhas.

“O curso de pós-graduação no IFSC foi de extrema importância para a ampliação e aperfeiçoamento dos conhecimentos e aprendizados vivenciados em minha graduação. As diversas experiências entre teoria e prática apresentadas e discutidas em diferentes cenários, conduzidas por professores extremamente qualificados na área, foram essenciais para despertar o interesse em dar sequência à carreira acadêmica”, afirma Robson.

Que venha o doutorado

Formada em tecnologia em Alimentos pelo Câmpus Canoinhas, Mariane Daniele Munhoz emendou o curso superior com o mestrado em Ciência de Alimentos, na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), no estado de São Paulo, em 2020. Agora, ela foi selecionada para o doutorado em Tecnologia de Alimentos, na área de Tecnologia de Cereais, Raízes e Tubérculos, também na Unicamp.

“O seguir para o doutorado, pra mim, está indo muito além do melhorar ou desenvolver meu currículo e seguir para docência. Mas, sim, é uma das formas de auxiliar no processo de difusão e valorização científica”, destaca Mariane.

Ela conta que descobriu seu gosto pela pesquisa e pela docência no IFSC, ao realizar projetos de pesquisa e participar das monitorias. “Nesse sentido, creio que o IFSC foi o principal caminho pra toda essa escolha. Ter contato com os professores, servidores, alunos, pesquisa, extensão e todas as atividades que o IFSC promove é um ótimo estímulo para pensar em capacitar e um dia voltar pra retribuir”, enaltece.

Guia de cursos

O Câmpus Canoinhas do IFSC tem cursos de qualificação profissional, técnicos, de graduação e pós-graduação, todos gratuitos. Os períodos de inscrição e formas de seleção são diferentes para cada tipo de curso.

Clique aqui para acessar o Guia de Cursos

CÂMPUS CANOINHAS INSTITUCIONAL

Nó: liferay-ce-prod03

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Leia Mais.