Pular para o conteúdo

Notícias

Setor de estágios do Câmpus Tubarão facilita inserção profissional dos estudantes

ENSINO Data de Publicação: 06 jun 2019 09:41 Data de Atualização: 06 jun 2019 09:43

Pierre Boschetto da Mota tem 21 anos e está na quinta fase do curso superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Câmpus Tubarão. Em seu primeiro estágio, recebeu o desafio de desenvolver um aplicativo para validação de ingressos pela câmera do celular.

“No IFSC nós tínhamos aula de programação mobile e o professor utilizava tecnologias de ponta, onde pude aproveitar o conteúdo e aplicar no estágio, além da aula de prática em desenvolvimento de sistemas, e programação orientada a objetos, que é um paradigma de programação indispensável no desenvolvimento de um software hoje”, conta o aluno.

Em seis meses de estágio, foi contratado. Neste período, desenvolveu ainda outro aplicativo. Logo em seguida, ficou sabendo de uma vaga de programador no polo tecnológico do Senai, fez um teste prático e passou em primeiro lugar. Depois de mais alguns meses, a Gam, grande empresa distribuidora de medicamentos de Tubarão, entrou em contato com o Câmpus procurando um aluno para a vaga de programador full stack para atuar em soluções inovadoras dentro da empresa. É onde Pierre está até hoje.

Com a experiência de trabalho e os conhecimentos do curso, ele adotou o costume de realizar oficinas para seus colegas e para a comunidade, como fez durante os Jogos Sedentários do Câmpus Tubarão. “As empresas hoje estão carentes de profissionais de TI, ainda mais com uma boa qualificação técnica, e o IFSC proporciona tudo isso, além de nos capacitar, realiza integração entre empresa e discente, o que nos abre boas oportunidades para entrar no curso logo no início”, diz Pierre.

O Câmpus Tubarão oferece um curso superior de Análise e Desenvolvimento de Sistemas e cursos técnicos em AdministraçãoEletrotécnica e Desenvolvimento de Sistemas. Um curso técnico em Logística está com inscrições abertas, com início no segundo semestre. Assim, o setor de estágios do Câmpus se torna um canal para qualificar a inserção profissional dos estudantes. E vem dando resultados. De acordo com o coordenador de estágios do Câmpus, Luiz Carlos de Oliveira, atualmente são dez estudantes estagiando em empresas da região.

Caso de Nicolly Cipriano, aluna do curso técnico em Desenvolvimento de Sistemas, que aos 18 anos estagia na Digital Pages, empresa que desenvolve plataformas digitais para educação, mercado corporativo, saúde, indústria e outros setores. A empresa selecionou dois estudantes do curso não só para auxiliar nos trabalhos, mas para um processo de capacitação que visa o aperfeiçoamento profissional dos alunos e a melhora dos processos da empresa.

“No estágio aprendi muito desde quando entrei. Praticamente aprendi em duas semanas o que aprendi em um semestre no curso. E o pessoal foi e é muito receptivo em relação aos estagiários, que entramos super crus no assunto, no emprego das atividades e desenvolvimento. Mas eles nunca deixaram de nos auxiliar e sanar as nossas dúvidas”, conta Nicolly. Seu objetivo é, depois de formada no técnico, ingressar em um curso superior na área de desenvolvimento de sistemas e seguir na empresa.

“Agradeço muito ao IFSC por ter me proporcionado essa experiência incrível. Ali eu aprendi, e ainda estou aprendendo tudo que é essencial para uma carreira profissional sucedida. Questões de respeito, participação, coleguismo, profissionalismo, como agir e como não agir, saber conversar. Tudo isso estou aprendendo aos poucos e vejo que ali, através de muita organização, isso é muito bem abordado”, diz.

Empresas interessadas em contratar estagiários do Câmpus Tubarão podem entrar em contato pelo e-mail  estagio.tub@ifsc.edu.br.

ENSINO