Pular para o conteúdo

Notícias

Novas descobertas

BLOG DOS INTERCAMBISTAS Data de Publicação: 21 ago 2020 12:37 Data de Atualização: 21 ago 2020 12:44

O relato de hoje é do aluno Vitor Luis Silveira, do curso de Engenharia Elétrica do Câmpus Florianópolis. Ele está em Portugal onde participa do programa da Dupla Titulação no Instituto Superior de Engenharia do Porto. Depois de um semestre atípico por causa da pandemia, ele conseguiu aproveitar um pouco de suas férias.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------

Com tudo que aconteceu neste último semestre e devido às limitações impostas, acabei descobrindo uma nova paixão: caminhar. Está era uma das poucas atividades ao ar livre que eu era capaz de fazer em segurança e com distanciamento social. Assim, fui cultivando este hábito aos poucos. Comecei com passeios rápidos e, quando me dei conta, já conhecia toda a região num raio de 5 km da minha casa - o que foi muito legal, porque tive a oportunidade de apreciar pequenos lugarzinhos escondidos que provavelmente não teria descoberto com a tradicional correria do cotidiano "normal". Agora, com mais liberdade, eu continuo aumentando as distâncias percorridas: 10 km; 15 km; e por aí vai.

Outro prazer que pude desfrutar aos poucos foi o de conhecer novos lugares. Na região próxima à cidade do Porto (onde moro) já pude conhecer as cidades de Guimarães, Braga e Viana do Castelo. Também pude fazer uma viagem rápida à região de Lisboa, onde conheci as cidades de Lisboa, Cascais e Sintra - sendo a última uma grande surpresa pessoal. Não estava esperando muito, mas os castelos situados em Sintra são simplesmente incríveis.

Por fim, na última semana, tive a oportunidade de fazer minha maior e mais emocionante viagem. Ao longo de nove dias conheci a cidade de Paris na França; e as cidades de Milão, Veneza e Roma na Itália. Foi uma experiência única e inesquecível que eu jamais havia pensado que poderia viver.

Com isso, posso dizer que minhas férias já começaram em grande estilo. Porém, agora pretendo ficar mais por casa e aproveitar este tempo para descansar e renovar as energias. Ainda pretendo fazer algumas viagens rápidas, para cidades próximas, mas nada tão extravagante. 

No geral tudo vem correndo bem. Houve altos e baixos ao longo destes seis meses de intercâmbio, porém todas as experiências foram igualmente válidas e enriquecedoras.

BLOG DOS INTERCAMBISTAS