Pular para o conteúdo

Notícias

Alunas da Engenharia Elétrica são finalistas de concurso internacional

CÂMPUS ITAJAÍ Data de Publicação: 15 jul 2019 07:59 Data de Atualização: 15 jul 2019 08:04

As estudantes de Engenharia Elétrica Brena Souza e Isabela Teo, do Câmpus Itajaí, são finalistas do concurso “Go green in the city” promovido pela empresa Schneider Electric. O trabalho delas ficou entre os 10 melhores da América do Sul na categoria sustentabilidade e acesso à energia. Elas propõem o uso de um sistema de carregamento de dispositivos móveis por meio de uma barra indutora eletromagnética, o que permitiria que mais usuários pudessem fazer o carregamento de celulares, por exemplo, em locais de grande circulação como rodoviárias e aeroportos. “Nossa proposta é facilitar o acesso ao carregamento e reduzir os custos com a manutenção das tomadas e dos cabos USBs. Esse sistema também universaliza o acesso porque não é preciso de adaptador”, explica a estudante Brena Souza.

A ideia do projeto surgiu ao observar que a demanda pelo uso de tomadas para o carregamento de celulares é alta em lugares públicos e que nem sempre há um número suficiente delas e que quando são disponibilizados totens para o carregamento, os usuários precisam, muitas vezes, ficarem em pé próximo ao aparelho. A proposta do sistema com o uso da barra indutora foi desenvolvida nas aulas de Projeto Integrador 1, do curso de Engenharia Elétrica, com o professor Thiago Alves e agora as estudantes pretendem trabalhar no protótipo e no levantamento de dados sobre o impacto social e a viabilidade técnica e econômica do sistema em parceria com o professor Marcelo Coutinho. “Participar desse concurso tem sido uma experiência para aplicar aquilo que aprendemos no curso e uma forma de entender como deve se estruturar um projeto nesta área”, avalia Brena.

Na etapa final do concurso, elas passam por um processo de mentoria junto a consultores da Schneider Electric para o aprimoramento das propostas e no dia 23 de agosto será divulgado o trabalho selecionado na América do Sul para representar a região na etapa mundial do concurso, que será realizada na Espanha.

CÂMPUS ITAJAÍ PESQUISA