Pular para o conteúdo

Notícias

Experimento deve ser enviado nesta quinta-feira para a estação espacial internacional

CÂMPUS XANXERÊ Data de Publicação: 25 jul 2019 16:02 Data de Atualização: 25 jul 2019 16:07
Experimento deve ser enviado nesta quinta-feira para a estação espacial internacional

Chegou a hora de o experimento desenvolvido para a NASA pela equipe do Câmpus Xanxerê do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) embarcar no foguete Falcon 9 em direção ao espaço. Após chegar na estação espacial internacional, o projeto, que permite a filtragem da água em um ambiente praticamente sem gravidade, será testado pelos astronautas.

O lançamento estava marcado para ontem (24), tanto que houve uma conversa ao vivo entre a organização e os estudantes do IFSC (assista aqui), mas foi cancelado devido às condições meteorológicas em Cabo Canaveral (EUA), local onde está localizado o foguete. A nova tentativa será às 19h desta quinta-feira (25), quando haverá transmissão ao vivo pela internet.

O experimento foi desenvolvido por um grupo do IFSC no ano passado e foi vencedor da competição Garatéa-ISS. No início do mês de julho, a equipe esteve nos Estados Unidos para participar Conferência Nacional do Programa de Experimentos Espaciais de Estudantes, onde apresentou em inglês o sistema de filtração de água proposto. Trata-se um sistema baseado na moringa, filtro de barro brasileiro, já que ele é considerado um dos melhores do mundo (segundo a revista The Drinking Water Book). Se ele for validado no espaço, os astronautas poderão beber água filtrada na estação espacial, e estará concluído o projeto dos estudantes do Ensino Médio técnico integrado em Informática, do Câmpus Xanxerê: Roberta Debortoli, Renata Muller, Ricardo Cenci e Isabela Battistella; e dos professores de Química, Andreia Weber e Victor Bernardes e, de Matemática, Daniel Ecco.

“Assistir ao lançamento do foguete para a Estação Espacial Internacional com o nosso experimento será algo muito incrível, pois ficamos meses pensando e testando cada detalhe. E finalmente poder enviar esse experimento para ser testado será algo muito emocionante para todos nós. A nave da SpaceX levará vários experimentos a bordo, além de suprimentos para a tripulação e mais alguns astronautas para a estação espacial”, explica a professora de Química, Andreia Weber.

Os professores Daniel Ecco e Victor Bernardes lembram que há poucos dias foram comemorados os 50 anos da chegada do homem à Lua e, atualmente, a humanidade entra em uma nova era de exploração espacial, com a chegada à Marte sendo uma das metas. “Desta forma temos a seguinte pergunta: o Brasil será mero espectador ou entrará na nova corrida espacial, diga-se de passagem, uma corrida espacial democrática. Devido a todos estes pontos levantados, surgiu a Garatea-ISS, um concurso educacional, onde um dos maiores objetivos é a divulgação das ciências espaciais mas escolas brasileiras”, frisam.

Acompanhe o lançamento ao vivo.

Acompanhe o bate-papo dos organizadores com a equipe do IFSC.

CÂMPUS XANXERÊ PESQUISA