Meteorologia

O técnico em Meteorologia é o profissional que dá suporte direto ao meteorologista, atuando desde a coleta de dados no campo, até a disponibilização desses dados com qualidade e clareza. Realiza a leitura, codificação, decodificação e registro dos elementos de observação meteorológica. Além disso, analisa e interpreta dados meteorológicos, organizando-os em bancos de dados. O técnico em Meteorologia ainda procede a instalação, operação, aferição e manutenção de estações meteorológicas e desenvolve sistemas computacionais para tratamento e divulgação de informações.

Mercado de trabalho

  • Institutos de monitoramento, previsão, pesquisa meteorológica e climatológica, públicos e privados
  • Aeroportos
  • Empresas públicas e privadas meteorológicas
  • Veículos de comunicação
  • Organizações militares

Pré-Requisitos

Para ingressar no Curso Técnico Subsequente em Meteorologia, o aluno deve ter o Ensino Médio completo.


Como entrar nesse curso?

Câmpus Florianópolis

Informações

  • Número de Vagas

    40

  • Carga Horária

    1200 horas/aula

  • Turno

    Matutino ou Vespertino

  • Duração

    3 semestres

Infraestrutura

a) Laboratório de Aplicativos Meteorológicos: sala climatizada com área de 43 m², contendo 20 postos de trabalho com computadores para alunos (atualmente está com 12 computadores), projetor multimídia e quadro branco.

 

b) Laboratório de Instrumentação Meteorológica: sala climatizada com área de 43 m², contendo 20 postos de trabalho para alunos, com bancada para experimentação prática de eletrônica e instrumentos de uso meteorológicos automáticos, projetor multimídia e quadro branco.

 

c) Laboratório de pesquisa: sala climatizada com 25 m², contendo 6 postos de trabalho com computadores, ferramentas, instrumentos e componentes eletrônicos, paro utilização em projetos de pesquisa e extensão.

 

d) Sala de aula: sala climatizada com 58 m², contendo 40 carteiras para alunos, uma lousa digital e um quadro branco.

 

e) Estações meteorológicas: escritório de observação, com computadores, barômetros, anemógrafo e outros instrumentos meteorológicos; cercado contendo uma estação completa de observação convencional (com todos os instrumentos de uma estação oficial), duas estações completas automáticas e duas antenas de comunicação com satélites; estação meteorológica automática instalada no Câmpus Florianópolis-Continente; 3 estações meteorológicas móveis.

 

f) Unidade móvel: carro tipo pickup cabine dupla; reboque com mobiliário para observação em campo; 4 estações portáteis automáticas.

 

g) Sala de professores: sala climatizada com área de 23 m², contendo 6 postos de trabalho com computadores, mais 3 computadores servidores de página e banco de dados.

 

h) Outros recursos e ambientes: o CT em Meteorologia conta ainda com um laboratório informatizado com 32 postos de trabalho que atende a todos os cursos do DASS; biblioteca central, contendo o acervo de livros do curso; computadores servidores de dados para armazenamento de dados meteorológicos situados na CTIC.

Matriz Curricular

Consulte as disciplinas do curso

Projeto pedagógico do curso

Consulte o projeto pedagógico do curso

Projetos de Pesquisa e Extensão

Atualizando ...

Certificação

O Curso Técnico em Meteorologia pode ser integralizado em 3 semestres, sendo que, para obter o diploma de Técnico em Meteorologia (profissão regulamentada por lei), o aluno deverá ser aprovado em todas as unidades curriculares do curso. O curso não possui estágio obrigatório.

 

O ingresso no Curso Técnico em Meteorologia ocorre de forma alternada entre os turnos matutino e vespertino. No semestre 2018/2 o ingresso será para o turno VESPERTINO. O aluno frequentará o curso apenas nesse turno até a integralização, desde que não atrase nenhuma unidade curricular.

Contato

Coordenador: Daniel Sampaio Calearo

E-mail: meteorologia.tec.fln@ifsc.edu.br

Telefone: (48) 3211-6079 (48) 32116022

Endereço:

IFSC Câmpus Florianópolis

Av. Mauro Ramos, 950, Centro, Florianópolis – SC

CEP 88020-300

Corpo Docente

Daniel Sampaio Calearo (Meteorologista e Mestre em Geografia)

Eduardo Beck (Doutor em Engenharia Elétrica)

Márcia Vetromilla Fuentes (Meteorologista e Doutora em Meteorologia)

Mário Francisco Leal de Quadro (Meteorologista e Doutor em Meteorologia)

Michel Nobre Muza (Meteorologista e Doutor em Meteorologia)

Yoshiaki Sakagami (Meteorologista e doutor em Engenharia Mecânica)

Página atualizada em: 27/07/2021

Outros câmpus que ofertam o curso

Voltar ao Topo