Pular para o conteúdo

Notícias

Câmpus Joinville decide pela manutenção parcial do calendário acadêmico e suspensão de atividades em três cursos

ENSINO Data de Publicação: 29 abr 2020 15:33 Data de Atualização: 29 abr 2020 19:23

A partir de 1º maio, o Câmpus Joinville vai flexibilizar o calendário acadêmico unificado e adotar posicionamentos diferentes para o andamento dos cursos, durante o período de distanciamento social adotado como medida necessária no enfrentamento à pandemia de Covid-19. Até a normalização das atividades institucionais, três cursos terão suas atividades totalmente suspensas: técnico concomitante em Teatro, técnico subsequente em Enfermagem e bacharelado em Enfermagem. Os demais cursos seguem com as atividades não presenciais.

A decisão pela manutenção parcial do calendário foi aprovada na reunião do Colegiado do Câmpus Joinville, no dia 22 de abril, e levada ao Conselho Superior (Consup) do IFSC. Na reunião desta segunda-feira, 27 de abril, o Consup deliberou pela manutenção do calendário acadêmico unificado da instituição (mantendo para os cursos presenciais a oferta de atividades não-presenciais até o dia 31 de maio), mas também concedeu autonomia a cada câmpus para decidir pela manutenção ou suspensão dos seus calendários locais.

Embora ainda não esteja claro quando as atividades institucionais serão normalizadas, o Consup já deliberou que os calendários acadêmicos unificado e locais serão ajustados quando do encerramento das medidas de distanciamento social, considerando as diferentes realidades para reposição. A situação será reavaliada em 25 de maio, quando o Consup terá nova reunião.

Levantamento conduzido pela Pró-Reitoria de Ensino (Proen) no início de abril, junto aos dirigentes de Ensino e coordenadores de curso, identificou os cursos e unidades curriculares que não teriam condições de manter as atividades não presenciais após 30 de abril, em função de diferentes motivos, como a necessidade de uso de recursos presenciais (como laboratórios), o esgotamento da carga horária teórica ou o pouco engajamento dos estudantes.

No caso dos cursos do Câmpus Joinville que optaram pela manutenção das atividades não presenciais, as coordenações fizeram um levantamento de quais unidades curriculares precisarão ser suspensas, especialmente por conta da necessidade de aulas práticas em laboratório. Também serão levadas em conta sugestões de professores e alunos para tornar as atividades mais produtivas durante o período.

Justificativa para a suspensão

O esgotamento da carga teórica, a indisponibilidade de carga horária em EaD no projeto pedagógico dos cursos e a necessidade de aulas em laboratório e estágios foram os fatores que justificaram o posicionamento dos professores dos cursos de Enfermagem para a suspensão das atividades nos cursos técnico e superior. “Todos os professores da Enfermagem contribuíram de forma unânime para o melhor desempenho das atividades não presenciais. Entretanto, o limite e especificidades do curso e a nossa responsabilidade enquanto docentes da área da Saúde nos fez reavaliar e optar por não dar continuidade às aulas não presenciais”, explica a coordenadora do técnico em Enfermagem, Joanara Rozane da Fontora Winters.

“A Enfermagem é um curso que não tem compatibilidade com atividades não presenciais em função de suas características técnico-assistenciais”, ressalta a coordenadora do bacharelado em Enfermagem, Betina Barbedo Andrade, informando que a partir de 30 de abril, as atividades não presenciais ficariam inviáveis por conta da necessidade de aulas práticas.

Para os professores do curso de Teatro, a suspensão das atividades não presenciais também levaram em conta o esgotamento da carga horária teórica, além da avaliação negativa da experiência, com a baixa participação dos estudantes. “Em reunião com os docentes do curso técnico em Teatro, decidimos suspender as aulas após concluirmos que os prejuízos estão sendo maiores que os benefícios ao mantermos as atividades não presenciais”, justifica a coordenadora do curso de Teatro, Luciana Cesconetto.

ENSINO CÂMPUS JOINVILLE