Pular para o conteúdo

Notícias

Qualifica Mulher forma turma de manicure em Urussanga

EXTENSÃO Data de Publicação: 28 abr 2022 13:55 Data de Atualização: 06 jun 2022 16:27

Sem emprego, Elisabete Carlos, de 30 anos, saiu de São Ludgero há seis meses e foi para Urussanga morar com os seus pais. Ela começou a trabalhar como manicure e, desde então, essa vem sendo a sua única fonte de renda. Através do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Urussanga, Elisabete soube do programa Qualifica Mulher, uma parceria do Câmpus Criciúma do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) com a prefeitura municipal.

“Hoje me sinto muito feliz e uma pessoa mais profissional. Amei o curso. Vai deixar saudades”, afirma Elisabete.

Mesmo sem saber fazer unhas e também desempregada, Márcia Aparecida Barbosa, de 55 anos, decidiu participar do curso, também por intermédio do CRAS de Urussanga. “Agarrei esse convite participando do curso e eu não trabalhava antes, nem a minha unha eu fazia. Hoje eu estou bem adaptada para fazer a minha e a das clientes que aparecerem”, relata.

Elisabete e Márcia são duas das 17 histórias de mulheres que concluíram o curso de Manicure do programa Qualifica Mulher. A formatura foi realizada nesta quarta-feira (27), no Paraíso da Criança, em Urussanga. Estiveram presentes o prefeito Jair Nandi, a secretária de Assistência Social, Rosane De Brida Benedet, a coordenadora do CRAS e presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Lucimere Barbosa Cardoso, o diretor-geral do IFSC Criciúma, Daniel Comin, e a coordenadora pedagógica do Qualifica Mulher, Michele Guizzo.

“Essa capacitação trouxe novas oportunidades tanto na vida financeira como na profissional dessas mulheres. Outro ponto que vejo foi o desenvolver a autoestima, tornando elas protagonistas da história de vida delas”, afirma a secretária de Assistência Social de Urussanga, Rosane de Brida Benedett.

O projeto “Autonomia social e econômica: gerando renda e valorizando o trabalho feminino” é resultado de uma parceria entre os Câmpus Tubarão e Criciúma do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), com recursos da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres (SNPM), do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. O projeto está oferecendo cursos de capacitação profissional para centenas de mulheres em situação de vulnerabilidade social nas duas regiões. Os cursos são realizados em parceria com as prefeituras municipais.

“O Qualifica Mulher é um programa que é muito importante tendo em vista que ele busca inserir a mulher no mercado de trabalho, dar autonomia e ajuda a administração municipal a transformar, provocando emprego, renda e desenvolvimento. Queremos reafirmar nossa parceria com o IFSC”, destaca o prefeito de Urussanga.

Empoderamento feminino

O curso teve duração de 96 horas. Além das atividades de manicure, as alunas aprenderam sobre educação financeira, saúde e trabalho, economia solidária e trabalho coletivo, comunicação, acesso às mídias sociais, desenvolvimento de produto e oportunidades de negócio.

“Algumas alunas já trabalham com manicure, mas buscaram o curso para se aperfeiçoar. A grande maioria está desempregada e viu a oportunidade do curso como uma forma de se profissionalizar e entrar no mercado de trabalho”, comenta Priscilla Barreto, aluna da Licenciatura em Química do IFSC Criciúma que atuou como professora no Qualifica Mulher em Urussanga.

Durante as aulas, foram abordadas temáticas relacionadas ao mundo feminino, além de dicas práticas de organização pessoal e empreendedorismo.

“Trabalhamos a questão da autoestima dessas mulheres, de organização, como planejar o negócio delas, divulgar. Elas aprenderam a mexer em alguns aplicativos para divulgação do serviço. Fizemos várias em grupo, para valorizar as qualidades delas, características individuais. Elas foram bastante assíduas, se mostraram muito gratas e engajadas”, conta Priscila

Saiba mais:

EXTENSÃO CÂMPUS CRICIÚMA

Nó: liferay-ce-prod02

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Leia Mais.